quinta-feira, 12 de agosto de 2010

Pranayama. Controle da respiração


Prana, quer dizer energia vital; e ayama, expansão. Pranayama é a expansão da energia vital.

Dos oito estágios do Yoga descritos nos Yoga Sutras de Patanjali, Pranayama é o quarto estágio, depois das disciplinas éticas Yamas e Nyamas e dos Asanas.

Pranayama são técnicas de respiração do Yoga que tem o objetivo de aquietar a mente.

A respiração tem uma ligação direta com tudo o que acontece no nosso corpo e na mente. Quando corremos ou subimos uma escada, por exemplo, a respiração se altera; quando estamos ansiosos e agitados a respiração se altera tornando-se curta, rápida e irregular; já quando estamos relaxados a nossa respiração se torna lenta. Daí, percebemos que o estado da nossa mente se reflete na respiração. Se podemos controlar a respiração diminuíndo o seu ritmo, podemos controlar também o estado da nossa mente, tranquilizando-a.

Através da respiração, permitimos que o Prana, energia vital, flua por todo o corpo, purificando, energizando, reduzindo tensões, bloqueios energéticos e o estresse.

Pranayama não só exercita os pulmões, como todos os orgãos do corpo, massageando-os através da ação da inspiração e expiração. Essa massagem interna ativa a circulação de todos os orgãos, trazendo equilíbrio para o funcionamento do corpo.

A base técnica do Pranayama é manter a respiração controlada e equilibrada. Pranayama nos ensina através de técnicas respiratórias, onde a respiração pode ser aprofundada, ritmada e dirigida, a ter um maior controle sobre ela e consequentemente tranquilizar a mente.

Pranayama é uma técnica importante para a prática da meditação.

Namastê!

Nenhum comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...